As quinze placas tectónicas principais

As quinze placas tectónicas principais Cultura de Algibeira

Como tu te deves lembrar, são as placas tectónicas as responsáveis por fenómenos naturais como os sismos e, como consequência os tsunamis. Embora existam dezenas de placas tectónicas em redor do planeta, apenas quinze são consideradas como principais e é exactamente sobre essas que aqui vamos falar hoje.

1 – Placa Africana

Começando este nosso artigo a falar sobre a Placa Africana, esta é a principal placa tectónica do continente africano e abrange mesmo todo o continente. Esta placa faz fronteira com as placas Sul-Americana, das Caraíbas, Euroasiática, Arábica, Indiana, Australiana e ainda com a da Antártida.

2 – Placa da Antártida

Seguimos agora para a Placa da Antártida, uma placa que, tal como o nome indica, abrange toda a Antártida e os oceanos que a circundam. Como placas adjacentes temos então as placas de Nazca, Sul-Americana, Africana, Australiana, do Pacífico e de Scotia.

3 – Placa Arábica

A Placa Arábica é então uma placa tectónica que envolve toda a Península Arábica e ainda parte da Turquia, tendo sido mesmo a responsável pelo surgimento do Mar Vermelho. Esta placa é limitada pelas placas Indiana, Africana e Euroasiática.

4 – Placa Australiana

Passamos agora até à Placa Australiana, a placa tectónica que possui grande parte da Oceânia e uma pequena parte da Ásia na sua área. Em termos de fronteiras, a Placa Australiana é limitada então pelas placas Indiana, do Pacífico, Euroasiática, Africana e da Antártida.

5 – Placa das Caraíbas

Seguimos agora para a Placa das Caraíbas, uma placa que se situa na América Central. Em termos de limites, esta placa faz fronteira com as placas Norte-Americana, Sul-Americana, de Nazca e de Cocos.

6 – Placa de Cocos

Falemos agora da Placa de Cocos, uma placa que se situa no Oceano Pacífico mas também perto da América Central. Esta placa é então limitada pelas placas Norte-Americana, do Pacífico, de Nazca e das Caraíbas.

7 – Placa Euroasiática

Seguimos então agora para a Placa Euroasiática, a placa tectónica sobre a qual Portugal se encontra. Devido às suas grandes dimensões, esta placa faz fronteira com as placas Norte-Americana, Africana, Arábica, Indiana, Australiana e das Filipinas.

8 – Placa das Filipinas

Seguimos agora então para a Placa das Filipinas que, tal como o nome indica, se situa perto das ilhas das Filipinas. Em termos de limites, esta placa encontra-se então com as placas Euroasiática, do Pacífico, Australiana e Norte-Americana.

9 – Placa Indiana

Chegou a hora de falarmos da Placa Indiana que, tal como o nome indica, se situa na região da Índia, englobando também parte do Oceano Índico e partes da China e Indonésia. Em termos de fronteiras, esta placa está em contacto com as placas Australiana, Africana, Arábica e Euroasiática.

10 – Placa Juan de Fuca

Saltemos agora até à Placa Juan de Fuca, uma placa que fica situada na costa Oeste dos Estados Unidos da América e do Canadá. Tendo sido nomeada em homenagem a um explorador grego, Juan de Fuca, esta faz fronteira com as placas Norte-Americana e do Pacífico.

11 – Placa de Nazca

Passemos agora à América do Sul, onde podemos encontrar a Placa de Nazca, uma placa que se situa no oceano, a Oeste deste continente. Foi através do seu choque com a Placa Sul-Americana que surgiu então a Cordilheira dos Andes e, além dessa placa, a Placa Nazca faz ainda fronteira com as placas do Pacífico, de Cocos, das Caraíbas e da Antártida.

12 – Placa Norte-Americana

Passemos agora então à Placa Norte-Americana, uma das maiores placas tectónicas de todo o mundo. Relativamente a fronteiras, esta placa está conectada às placas Euroasiática, da Antártida, do Pacífico, das Filipinas, das Caraíbas, Juan de Fuca, de Cocos, Sul-Americana e ainda Africana. Esperamos não nos ter esquecido de nenhuma!

13 – Placa do Pacífico

Seguimos agora para a maior placa tectónica do mundo, a Placa do Pacífico, que se estende por um total de 103 milhões de quilómetros quadrados de área. Relativamente a fronteiras, esta placa está então conectada às placas Australiana, das Filipinas, Norte-Americana, Juan de Fuca, de Cocos, de Nazca e da Antártida.

14 – Placa de Scotia

Chegamos agora à Placa de Scotia, uma placa oceânica que se encontra próximo do continente sul americano. Devido à sua localização, esta placa faz então fronteira com as placas Sul-Americana e da Antártida.

15 – Placa Sul-Americana

Por fim, já só nos resta falar sobre a Placa Sul-Americana. Tal como o nome indica, esta placa estende-se ao longo de todo o continente da América do Sul e acaba por fazer fronteira com as placas Africanas, da Antártida, de Scotia, de Nazca, das Caraíbas e ainda a placa Norte-Americana.

Gostaste do que leste? Então passa pelas nossas páginas de Facebook e Instagram! Seguir-nos nestas duas redes sociais é a forma mais simples de garantires que o Cultura de Algibeira está sempre no teu bolso e que não perdes pitada dos próximos artigos!

Categorias:Ciência

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s