Skip to content
Anúncios

Os sete tipos de erupção vulcânica

Os sete tipos de erupção vulcânica - Cultura de Algibeira

Aqui no Cultura de Algibeira, já por uma vez falamos dos desastres naturais mais mortíferos do mundo. Hoje, pensamos fazer o mesmo, relativamente a erupções vulcânicas mas, a meio da nossa pesquisa, decidimos abordar os diferentes tipos de erupções que existem e termos então aqui uma aula de ciências.

1 – Erupção Hidromagmática

As erupções hidromagmáticas são erupções vulcânicas que são originadas por vapor explosivo em expansão, resultado do contacto entre solo ou àguas superficiais frias e rochas quentes ou magma. Estas erupções distinguem-se das restantes por serem lançados fragmentos de rochas sólidas que já existem nas chaminés vulcânicas, não existindo qualquer erupção de magma do vulcão.

2 – Erupção Havaiana

Seguem-se as erupções havaianas, que têm este nome por se acreditar que foram erupções deste género que estiveram na origem das ilhas do Hawaii. Estas erupções caracterizam-se por serem efusivas, sem descargas de gases, mas com magma basáltico pouco viscoso e com temperaturas muito elevadas.

3 – Erupção Subglacial

Falamos de erupções subglaciais quando as erupções ocorrem debaixo de gelo ou glaciais, com este género de evento natural a dar origem a inundações, avalanches de lama e outros fenómenos raros, uma vez que não é comum surgirem erupções deste género.

4 – Erupção Estromboliana

Apesar do nome estranho, as erupções estrombolianas têm origem num vulcão siciliano, localizado na ilha de Stromboli. Este género de erupções liberta cinzas, gases e rochas, com rios de lava a escorrerem pela encosta do vulcão abaixo. Estes rios de lava são geralmente viscosos e espessos, ao contrário das erupções havaianas.

5 – Erupção Peleana

Ocorre uma erupção peleana quando existe uma grande quantidade de explosões de rochas quentes, cinzas, vapores e poeiras desde a cratera central de um vulcão. Estes materiais acabam por depois formar avalanches de magma viscoso que atinge velocidades superiores aos limites de velocidade para automóveis em autoestrada!

6 – Erupção Pliniana

Apesar de terem um nome parecido com as erupções anteriores, as erupções plinianas são muito mais poderosas, sendo mesmo consideradas o tipo de erupção mais forte desta lista. Estas erupções libertam rochas, colunas de fumo e gás, bem como uma enorme quantidade de lama viscosa, com todos estes elementos a se deslocarem a mais de 160 quilómetros hora! Além desta velocidade, estes gases chegam à estratosfera do nosso planeta, com as cinzas a chegarem a áreas que se encontram a muitos quilómetros de distância do vulcão.

7 – Erupção Vulcaniana

Por fim, as erupções vulcanianas são conhecidas por formarem uma nuvem de cinzas e elevada altitude, e uma nuvem esbranquiçada perto do seu cone, enquanto são expelidas rochas e magma. Este magma é rico em sílica, o que torna este género de erupções altamente explosivas e viscosas. Muitas das erupções vulcanianas têm origem em erupções hidromagmáticas.

Gostaste do que leste? Então passa pelas nossas páginas de Facebook e Twitter! Seguir-nos nestas duas redes sociais é a forma mais simples de garantires que o Cultura de Algibeira está sempre no teu bolso e que não perdes pitada dos próximos artigos!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: