Skip to content
Anúncios

Os cinco compositores com múltiplas vitórias na Eurovisão

Compositores II

Muito se fala dos cantores na Eurovisão mas, por detrás de todas as canções do festival existem compositores que têm tanta importância quanto os intérpretes para o resultado final da prestação nacional. Ao longo de toda a história do Festival Eurovisão da Canção, só por cinco vezes aconteceu um compositor ver duas canções suas serem eleitas vencedoras e hoje vamos apresentar-te esses artistas!

1 – Willy van Hemert

Abrimos a nossa lista de hoje com o holandês Willy van Hemert que, apesar de ter sido sobretudo um actor ao longo da sua carreira, é reconhecido por ser o primeiro compositor de toda a história a escrever duas canções vencedoras da Eurovisão. Ambas as canções foram representantes dos Países Baixos e venceram nos anos de 1957 e 1959.

2 – Yves Dessca

Dirigimo-nos agora até França onde vamos encontrar Yves Dessca, um compositor que compôs duas músicas vencedoras para dois países diferentes! Enquanto Willy van Hemert dedicou as suas letras a apenas um país, Yves foi responsável por uma vitória do Mónaco e uma vitória do Luxemburgo nos anos de 1971 e 1972, respectivamente. Este feito faz de Yves o único compositor a vencer duas edições seguidas da Eurovisão.

3 – Rolf Løvland

Hora de ir até à Noruega para conhecer Rolf Løvland, um compositor que é responsável pelas duas vitórias em norueguês do seu país. Estas duas vitórias foram separadas por dez anos no tempo, tendo sido conquistadas em 1985 e 1995.

4 – Johnny Logan

O irlandês Johnny Logan tem de ser reconhecido como uma das maiores caras da Eurovisão! Não só é um compositor que venceu por duas vezes com esse estatuto, nos anos de 1987 e 1992, como também é o único artista que venceu a Eurovisão por duas vezes enquanto cantor, nos anos de 1980 e 1987. Não é por acaso que é conhecido como Mister Eurovision!

5 – Brendan Graham

Por fim, falta-nos falar de Brendan Graham, compositor irlandês que compôs as músicas vencedoras da Eurovisão nos anos de 1994 e 1996. Curiosamente, o domínio irlandês na Eurovisão acaba por se fazer sentir também no que aos compositores diz respeito e não apenas na quantidade de vitórias ao longo da história da competição.

Gostaste do que leste? Então passa pelas nossas páginas de Facebook e Twitter! Seguir-nos nestas duas redes sociais é a forma mais simples de garantires que o Cultura de Algibeira está sempre no teu bolso e que não perdes pitada dos próximos artigos!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: